IMG 20170628 WA0049Vereador Elismar e prefeito Luciano, de Barro Alto, senador Ronaldo Caiado, prefeito Jadiel Ferreira, de Flores de Goiás e secretário de projetos de Goianésia, Pedro Gonçalves.
O secretário de projetos do Governo de Goianésia, Pedro Gonçalves, esteve em Brasília nesta quarta, 28, liderando comitiva em visita aos senadores de Goiás. O objetivo foi buscar apoio para o projeto PLC 102/2015, que trata sobre a inclusão de vários municípios na RIDE/DF (Região Integrada de Desenvolvimento do Distrito Federal e Entorno).
 
Estiveram na comitiva, além do secretário, o prefeito de Flores de Goias, Jadiel Ferreira (PR), de Barro Alto, Luciano Lucena (PSDB) e o presidente da Câmara Municipal, vereador Elismar. Eles foram refebidos pelos senadores Wilder Morais (PP), Ronaldo Caiado (DEM) e Lúcia Vânia.
 
Atualmente, a  RIDE é constituída pelo Distrito Federal e municípios de Abadiânia, Água Fria de Goiás, Águas Lindas de Goiás, Alexânia, Cabeceiras, Cidade Ocidental, Cocalzinho de Goiás, Corumbá de Goiás, Cristalina, Formosa, Luziânia, Mimoso de Goiás, Novo Gama, Padre Bernardo, Pirenópolis, Planaltina, Santo Antônio do Descoberto, Valparaíso de Goiás e Vila Boa, no Estado de Goiás, e de Unaí, Buritis e Cabeceira Grande, no Estado de Minas Gerais.
 
De acordo com Pedro Gonçalves, a inserção de Goianésia pode trazer diversos benefícios tributários, crédito, atração de empresas e acesso a recursos que sao destinados ao Distrito Federal e Entorno. "A expectativa é que essa votação aconteca o mais rápido possível no Senado, segundo palavras dos senadores Ronaldo Caiado e Wilder Morais, que nos receberam. 
 
No momento, os municípios que podem ser inseridos na RIDE/DF são: Goianésia, Vila Propício, Barro Alto, Alto Paraíso, Alvorada do Norte, Cavalcante, Flores de Goiás, Niquelândia, São joão D´Aliança, Simolândia, em Goiás, e Arinos e Cabeceira Grande, em Minas Gerais. 
 
O Secretário de Projetos lembrouu ainda que o Projeto de Lei, que insere Goianésia na RIDE, foi de autoria do deputado Daniel Vilela (PMDB). "Quando estávamos na assessoria do deputado, pleiteamos junto a ele essa solicitação, que foi prontamente atendida", ressaltou. 

Os principais interesses de atuação da RIDE são:

- infraestrutura;
- geração de empregos e capacitação profissional;
- saneamento básico;
- uso, parcelamento e ocupação do solo;
- transportes e sistema viário;
- proteção ao meio ambiente e controle da poluição ambiental;
- saúde e assistência social;
- educação e cultura;
- combate às causas de pobreza e aos fatores de marginalização;
- telecomunicações;
- segurança pública.
 
 
0
0
0
s2sdefault

tse

Com o objetivo de esclarecer questões sobre o processo de votação, opções de voto e o resultado de uma eleição, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) lançou neste domingo (18) em suas redes sociais a campanha Mitos Eleitorais. O primeiro tema a ser abordado na fanpage, no Facebook e no perfil do tribunal no Twitter será "Votar nulo anula uma eleição?".

A ideia da campanha, que será veiculada este mês e em julho, é desmistificar alguns temas e esclarecer o eleitor brasileiro. Para isso, foram criados nove vídeos de curta duração, animados, com infográficos para as redes sociais.

Os demais temas da campanha são "Voto em branco vai para quem está ganhando?", "Voto em branco é igual a voto nulo?", "É eleito sempre o candidato que possui mais votos?", "Quem não votou na última eleição não pode votar na próxima?", "Depois da eleição é possível saber em quem o eleitor votou?", "Quem é convocado para ser mesário, será convocado sempre?", "Ninguém pode ser preso no dia da eleição?" e "O eleitor pode votar usando a camiseta do seu partido?".

No Twitter do tribunal, o eleitor também pode participar de um jogo para testar seus conhecimentos. (Agência Brasil)

0
0
0
s2sdefault

sebrae

0
0
0
s2sdefault

Vereadores

Os vereadores que compõem a mesa diretora da Câmara Municipal de Goianésia, Temal Carrilho (presidente, PSDB), Heverton Fonseca (vice-presidente, Solidariedade) e Jota Carlos (1º secretário, PP), além de alguns assessores, estão participando em Foz do Iguaçu (PR), da 21ª Conferência dos Legisladores e Legislativos estaduais.

O evento reúne parlamentares como deputados e vereadores de todo o país, possibilitando um intercâmbio entre as diferentes casas de leis.

Fonte: Site Câmara Municipal de Goianésia

0
0
0
s2sdefault

jalles3

Após a derrota de Jalles Fontoura para Renato de Castro, na eleição passada em Goianésia, onde realizou uma administração desastrosa, Jalles insiste em continuar na política e conviver diariamente com um dilema: ser vaiado ou desprezado; ser apupado ou ignorado.

E foi o que aconteceu em recente evento realizado em Goianésia, dia 07, para entrega de Cheques Moradias, com a presença do Governador Marconi Perillo, Prefeito Renato de Castro, deputados, vereadores e, na maioria, correligionários do PSDB. Jalles foi ao evento e não foi vaiado, mas, desprezado e ignorado pela multidão.

Seu nome foi anunciado. Nenhuma manifestação. Nem vaia, nem aplauso. Foi como se tivesse dado a hora. Os nomes dos demais políticos foram anunciados: palmas. Palmas de pé. Inclusive para o prefeito Renato de Castro e o ex-prefeito Otavinho. O contraste foi humilhante para Jalles. Foi um silêncio gritante, inclusive foi notório no rosto de Jalles, o constragimento no momento que foi anunciado seu irmão Otavinho.

O goianesiense parece ter compreendido que Jalles Fontoura representa o passado, muito obscuro para o Goianésia. Parafraseando o Reverendo Martin Luther King, iremos lembrar de parte da frase que ele usou em seu discurso em Atlanta quando disse: “Os bons estão calados (…)”. Há quem não queira calar!”.

0
0
0
s2sdefault