atleticoAtletico-GO venceu o Azulão, que está rebaixado em 2017.

Orcedino Júnior

Goleou o Vila Nova. Teve o jogador revelação do Campeonato. Mas não adiantou! O Goianésia foi derrotado pelo Atlético –GO na tarde de domingo, 09 e confirmou o rebaixamento à Divisão de Acesso em 2018.

O Atlético-GO saiu atrás no marcador, mas se recuperou ainda no primeiro tempo, empatando em 1 a 1. Os gols foram marcados por Nonato, pelo Goianésia, e Alípio, pelo Dragão, já aos 45 minutos. Após o empate, ainda houve tempo para que Dinei, meia da equipe visitante, fosse expulso. 

No segundo tempo, o Atlético-GO aproveitou a superioridade numérica dentro de campo e iniciou a sequência de gols. O primeiro deles foi marcado por João Vítor e, depois, Júnior Viçosa fez dois, sendo um deles um golaço de cobertura. Yhan descontou para o Azulão. 

Rebaixamento começou bem antes

A degola do Azulão começou já no início da competição.

O ex-prefeito Jalles destruiu parte das arquibancadas do Estádio Valdeir José de Oliveira, com a promessa de construir novas e maiores. A obra ficou no meio do caminho, o que afastou o torcedor dos jogos. Em dias de pico, o público chegou a 700 torcedores somente. Bem diferente dos anos anteriores, quando mais de 2000 torcedores sempre estavam nos jogos, dando renda para a equipe.

A falta de patrocínio foi outro fator decisivo. Com uma dívida herdada de 46 milhões de reais, o prefeito Renato de Castro não teve condições de patrocinar o time, pois teve que  socorrer áreas críticas, como a sáude. 

Mesmo a quantia oferecida pela atual gestão de 100 mil reais, foi rejeitada pela diretoria por pressões políticas do lado derrotado, que no entanto, não supriu a equipe com recursos necessários para permanência na elite do futebol goiano.

0
0
0
s2sdefault

goianesiarioverdeO Goianésia perdeu para o Rio Verde e agora decide a permanência na série A, no próximo domingo.

O Goianésia Esporte Clube vacilou na tarde de domingo, 02, e acabou perdendo por 1  a 0, para a time do Rio Verde pela 4ª rodada do 3º turno do Goianão 2017;

O time não aproveitou a apatia do Rio Verde que pouco chegava ao ataque no primeiro tempo e parte do segundo e errou muito nas finalizações, apesar do goleiro do Rio Verde ter realizado boas defesas nos ataques do Azulão do Vale. 

Agora o time está lanterna do grupo B e para escapar do rebaixamento, precisa vencer o Atlético Goianiense, no próximo domingo, no Estádio Olímpico, em Goiânia. 

O CRAC confirmou o rebaixamento perdendo para o Iporá por 1 a 0. 

Agora, a outra vaga para o rebaixamento será decidida entre o Azulão do Vale, Rio Verde e Anápolis. 

Tabela

 

 

0
0
0
s2sdefault
Escudo Goianésia EC
O Goianão 2017 encerra sua ante penúltima rodada da 1ª Fase com três dos quatro semifinalistas conhecidos, Aparecidense, Goiás e Vila Nova, porém, na penúltima rodada neste final de semana com os jogos Anápolis x Atlético no Estádio Jonas
 
Duarte em Anápolis no sábado, dia 1º de abril e Iporá x Crac em Iporá, Goianésia x Rio Verde em Goianésia e Vila Nova x Itumbiara no Estádio Serra Dourada em Goiânia no domingo, dia 2 de abril, acontecendo nos mesmos as vitórias do Iporá, Goianésia e Vila Nova e empate entre Anápolis x Atlético, todos resultados normais, ficariam sacramentados com uma rodada de antecedência as seguintes definições:
 
 - 4º e último semifinalista: Atlético.
 
- rebaixados à Divisão de Acesso/2018: Rio Verde e Crac.
 
- 2ª das três vagas goianas ao Brasileiro da Série D/2018: Iporá.
 
Restariam então as definições dos dois confrontos semifinais e da 3ª e última vaga goiana entre Goianésia, Anápolis e Itumbiara, ao Brasileiro da Série D/2018 para a última rodada desta 1ª Fase. 

Autor: Roberto Sampaio

Fonte: Coordenadoria Técnica
0
0
0
s2sdefault

vigilia

Desde a última terça-feira (28) os trabalhadores da rede estadual de Educação estão reunidos em vigília na porta da Assembleia Legislativa de Goiás. As vigílias são realizadas a partir das 14h durante toda esta semana.
 
A decisão foi tomada durante a última Assembleia da Rede Estadual realizada no dia (24/03), onde a categoria aprovou a proposta apresentada pelo Sintego de continuar sensibilizando e dialogando com os parlamentares para que rejeitem o Pacote de Maldades (PEC3548) que tramita na Casa de Leis com proposta de congelar por dez anos salários, progressões, quinquênios, licenças-prêmio, concursos, etc.
 
Entre outras reivindicações, o Sintego cobra do governo de Goiás o pagamento do Piso dos professores, um novo Plano de Carreira para os administrativos, concurso público, reajuste para os temporários e resolução para Quadro Transitório do Magistério. Os educadores também são contra a Reforma da Previdência (PEC-287), proposta pelo governo Michel Temer.
 
Nova Assembleia 
Na sexta-feira (31) será realizada uma nova Assembleia da Rede Estadual onde o Sintego espera avança na proposta apresentada pelo Governo do Estado durante a reunião no dia (24/03). Na oportunidade a secretária de Educação e Cultura Raquel Teixeira afirmou que o Governo vai realizar concurso público para mil vagas (900 para professores e 100 para administrativos). Raquel Teixeira também disse que o Quadro Transitório do Magistério (QTM) finalmente terá uma solução, mas também não foi informado detalhes sobre o prazo. Outro ponto apresentado pela Secretária é o reajuste dos contratos temporários. Raquel Teixeira destacou que o Governo vai dar reajuste de 50% a estes profissionais.
 
O Sintego cobrou durante a audiência que seja atendida a pauta de reajuste dos professores PIII e PIV, além de um novo Plano de Carreira para os administrativos que já foi elaborado pelo Sintego e entregue para a Seduce. Uma nova proposta deverá ser apresentada pela Secretária de Educação na sexta-feira (31).
 
Ainda na sexta-feira será realizado um grande Mobilização Nacional contra a Reforma da Previdência. O Ato está sendo organizado pelas centrais sindicais e tem o apoio e participação do Sintego.
 
Com informações do Sintego
0
0
0
s2sdefault

A conclusão da 2ª rodada do 3º turno do Campeonato Goiano, realizada neste domingo (26/3), contou com três empates. Um deles foi entre Vila Nova e Goiás, que não marcaram gols no clássico realizado no Serra Dourada.

Pelo interior do Estado, Goianésia e a líder da competição, Aparecidense, também não saíram do 0 a 0. O outro resultado igual foi entre Itumbiara e Iporá. Nessa partida as equipes marcaram um gol cada.
 
A rodada do Goianão abriu no sábado (25), com a vitória do Rio Verde por 2 a 1 sobre o Atlético. 

rodada1
 
 
0
0
0
s2sdefault