jefersonJeferson foi morto dentro da cela em que estava com mais 11 detentos.

Jeferson Barbosa da Silva, de 19 anos, morreu na manhã desta quarta-feira, 11, após ser espancado em uma cela do presídio de Goianésia.

Ele cumpria pena de 24 anos de prisão por um latrocínio que chocou a cidade cometido em outubro de 2016 no Bairro São Cristóvão que vitimou a sra Adélia Oliveira dos Santos Bilotti, de 75 anos, bastante conhecida no meio social e político de Goianésia. O meliante assassinou a idosa para roubar um celular. 

Na manhã, após desentendimento com os demais companheiros de cela, iniciou-se uma série de agressões contra Jeferson que culminou na sua morte.

Todos os 11 presos serão levados para a Delegacia de Polícia para serem ouvidos e só aí a polícia saberá o que realmente aconteceu na cela. A principal hipótese é que tenha sido praticado por desentendimento entre os reeducandos.

Quando menor, Jeferson teve passagens na Polícia por diversos atos infracionais (participação em homicídio, roubo, tentativa de latrocínio, furto, tráfico de drogas, dentre outros). Na semana do latrocínio da saudosa Adélia Bilotti, ele foi preso por receptação de motos, mas foi colocado em liberdade e em menos de 24 horas cometeu o crime

0
0
0
s2sdefault