Aulas em Goiás permanecem suspensas até o fim de agosto

As aulas na rede pública e privada só retornam em setembro. As aulas na rede pública e privada só retornam em setembro.

As aulas em Goiás só retornam no início de setembro. 

O Centro de Operações de Emergências (COE) em Saúde Pública de Goiás para Enfrentamento ao Coronavírus deliberou em manter as aulas presenciais no Estado suspensas até o final de agosto, com previsão de retorno a partir de setembro, de forma gradual e planejada.

A orientação sobre a possível data de volta às aulas será reavaliada na segunda quinzena do próximo mês, considerando a evolução da epidemia.

A decisão de prorrogar a suspensão das aulas presenciais se fundamentou no aumento de casos da Covid-19 no Estado, que ainda torna inseguro o retorno dos estudantes e professores, neste momento. M

Medidas sanitárias já adotadas em outros locais apontam para uma retomada segura a partir do momento em que o Estado apresente uma redução no registro de novos casos, mantendo essa tendência de queda por, no mínimo, duas semanas consecutivas. 

O assunto foi debatido na reunião da última quarta-feira, 22, e acompanhado por autoridades das redes pública e privada de educação, além de representantes do Conselho Estadual de Educação, sindicatos de profissionais, entre outros.

Centro de Operações de Emergências (COE) em Saúde Pública de Goiás para Enfrentamento ao Coronavírus


 
0
0
0
s2sdefault
© 2020 Jornal Opinião - Todos os direitos reservados