dentes

Por Victor Wenceslau B Mendonça – Cirurgião Dentista

Uma das questões mais controvérsias da odontologia se diz em relação ao entortamento (apinhamento) dos dentes, geralmente os dentes anteriores inferiores, com a presença do dente terceiro molar, também conhecido por dente do siso ou dente do juízo.

Os terceiros molares, comumente chamados de dentes do siso, são os últimos dentes das arcadas superior e inferior. São também os últimos dentes a nascer, geralmente em idade adulta ou próxima. Por isso, muitas vezes não encontram espaço suficiente na boca para serem corretamente acomodados.

A falta de espaço pode fazer com que o aparecimento desses dentes gerem diversos desconfortos e problemas bucais. É muito comum, por exemplo, que os sisos erupcionem apenas parcialmente ou em posição inadequada, causando danos à formação dentária. O que também pode ocorrer é permanecerem inclusos – presos sob a gengiva e o osso – gerando inchaços e até infecções na gengiva.

Geralmente, todos esses casos são resolvidos com a extração, um procedimento simples, de recuperação rápida e considerado rotineiro no consultório odontológico. Apesar disso, muitos pacientes acreditam que o siso seja responsável pelo desenvolvimento de todos os problemas bucais identificados posteriormente, como se o dente pudesse causar uma verdadeira “tragédia” na arcada dentária.

A maioria dos pacientes pensam que existe relação do siso com o apinhamento dentário. Acredita-se que o aparecimento do terceiro molar possa “empurrar” os dentes vizinhos, resultando em desalinhamento. Mas a verdade é que não há nenhuma comprovação científica de que o siso, sozinho, é capaz de entortar todos os outros dentes.

Artigos e estudos sobre o assunto mostram que o terceiro molar não é o principal fator que resulta no apinhamento. Isso porque a força de erupção de um dente é muito inferior à necessária para movimentar vários dentes ao mesmo tempo.

O que movimenta os dentes é a força de mastigação e, em muitos casos, o próprio desenvolvimento da arcada dentária ao longo dos anos. A principal causa de apinhamento dos dentes é a falta de espaço na mandíbula durante a transição dos dentes decíduos- os dentes de leite – para os permanentes. Isso porque a mandíbula da criança geralmente é pequena para comportar os dentes que a acompanharão durante a vida adulta.

Outro fator que também é associado para ao apinhamento nos dentes anteriores inferiores é o do osso, o que causa uma perda de estrutura com consequente perda de espaço para os incisivos inferiores.

Portanto, é preciso avaliar cuidadosamente se os sisos precisam ser extraídos porque eles estariam entortando os outros dentes. A extração é necessária quando não há espaço na boca para o desenvolvimento completo dos terceiros molares, que ficam mal posicionados e de difícil higienização, causando inflamações, infecções, cáries e dores relacionadas ao siso.

 

0
0
0
s2sdefault

Quando a dentina está exposta, esses túbulos podem ser estimulados por mudanças de temperatura ou certos alimentos.

Por Victor Wenceslau B. Mendonça -  Cirurgião Dentista

Que é hipersensibilidade dentinária?

A sensibilidade dentinária afeta um grande número de pessoas. É geralmente causada por bebida e alimentos quentes, frios, doces ou ácidos. Em condições normais, a dentina (camada interna que envolve o nervo) é coberta pelo esmalte da coroa e a gengiva ao redor do dente. Com o tempo, o esmalte pode desgastar-se, reduzindo a proteção. Também com o tempo, a gengiva pode retrair-se, expondo a raiz do dente.

A dentina tem um grande número de poros ou tubos microscópicos (túbulos) que vão da face externa do dente até a polpa, no centro. Quando a dentina está exposta, esses túbulos podem ser estimulados por mudanças de temperatura ou certos alimentos. Abaixo está uma ilustração dos túbulos dentinários vistos em um microscópio:

denteIlustração dos túbulos dentinários vistos em um microscópio.

Qual é a causa da hipersensbilidade dentinária?

A exposição da dentina por ocorrer devido a vários fatores. Os fatores mais comuns são:

Retração gengival devido à idade ou escovação inadequada; Bebidas ácidas (como refrigerantes) que causam a erosão do esmalte e a exposição da dentina; Bruxismo – que, na verdade, faz com que todos ou a maior parte dos dentes tornem-se sensíveis; Escovação com creme dental muito abrasivo, escovação incorreta e/ou escovação em um número de vezes maior do que três; Gengivite, que pode causar retração gengival; Dente lascado ou fraturado, com exposição da dentina;

Além disso, alguns tratamentos dentários podem causar sensibilidade. Sabe-se que alguns tratamentos como o Clareamento, a profilaxia em consultório, a colocação de aparelhos ortodônticos ou restauração dentária podem causar sensibilidade durante ou depois do procedimento.

Que posso fazer?

O primeiro passo é descobrir a causa, com a ajuda de um dentista. Se a causa for a exposição da dentina, há algumas providências que você e seu dentista podem tomar para reduzir a sensibilidade:

Use uma escova de cerdas muito macias; Escove corretamente para evitar a abrasão do esmalte e a retração gengival; Use um creme dental formulado especialmente para ajudar reduzir a sensibilidade;

O dentista pode:

Aplicar verniz de flúor nas áreas sensíveis para ajudar a fortalecer o dente; Prescrever um creme dental com alto teor de flúor para uso diário; Restaurar as áreas que perderam o esmalte;

No final, quer você precise de procedimentos em consultório ou somente em casa, o passo mais importante é consultar seu dentista para que ele determine a causa da sensibilidade dos dentes e ajude você a encontrar uma solução que seja eficaz.

Com base em informações Artigo fornecido pela Colgate-Palmolive. Copyright 2017 Colgate-Palmolive. Todos os direitos reservados.

0
0
0
s2sdefault

Últimas Notícias

Gestão de Renato de Castro garante entrega de mais de 7 mil kits escolares à alunos da rede municipal de ensino

Gestão de Renato de Castro garante entrega de mais de.

15.01.18

A Secretaria Municipal de Educação informa aos pais dos alunos da rede pública do município, que nã.

Estão abertas as matrículas para novos alunos no programa PETI

Estão abertas as matrículas para novos alunos no programa PETI

11.01.18

A Prefeitura de Goianésia por meio da Secretaria Municipal de Promoção Social informa que o Program.

Ponte quebrada na BR-153 aumentará fluxo de veículos em Goianésia

Ponte quebrada na BR-153 aumentará fluxo de veículos em Goianésia

29.12.17

Uma ponte de 190 metros entre Ceres e o município de Nova Glória, próximo ao distrito de Jardim Pau.

Empresa deve investir US$ 50 mi em Niquelândia e Americano do Brasil

Empresa deve investir US$ 50 mi em Niquelândia e Americano.

26.12.17

 Niquelândia vai receber uma planta para exploração de Níquel e Cobalto. A Brazil Minerals Ener.

Divulgadas novas regras para o comércio eletrônico

Divulgadas novas regras para o comércio eletrônico

26.12.17

Brasília - Nova regulamentação para o comércio eletrônico no Brasil entrou em vigor nesta sema.